Por Cristina Padiglione | Saiba mais
Cristina Padiglione, ou Padi, é paga para ver TV desde 1990, da Folha da Tarde ao Estadão, passando por Jornal da Tarde e Folha de S.Paulo
Jornalismo&Doc

Liga de futebol americano, NFL fecha acordo com Twitter para conteúdo inédito

Evento cujo campeonato tem a final (Super Bowl) com os intervalos mais caros da TV mundial, a National Football League (NFL) e o Twitter firmaram acordo de longo prazo para aquecer ainda mais os cofres das partes interessadas naquele monte de homem se jogando um sobre o outro, atrás de uma bola oval. A ideia é rentabilizar o negócio e estender para o restante do ano todo o interesse de público, e consequentemente, de anunciantes, gerado pelo evento. Assim, ao longo de todo o calendário, vídeos e outros tipos de conteúdo da NFL serão distribuídos para os fãs do esporte ao redor do mundo, diariamente.

Mas não existe almoço de graça.

Para consumir esse novo repertório, o espectador/internauta terá de esbarrar em mais uma fileira de publicidade. A NFL e o Twitter, que têm colaborado desde 2013 por meio do programa Amplify, vão oferecer às marcas a oportunidade de anunciar aproveitando o conteúdo oficial da NFL criado especificamente para a plataforma do Twitter. O acordo abre novos caminhos para sustentar uma programação ao vivo e conteúdo inédito de vídeo sob demanda.

A NFL vai produzir um programa digital ao vivo de 30 minutos que será transmitido no Twitter cinco dias por semana durante a temporada, com notícias, destaques dos jogos, histórias importantes, projeções do fantasygame, scouts das equipes e atualizações pré-jogo, entre outros.

Para tanto, o Periscope e o Twitter entram em cena, dando aos fãs acesso exclusivo ao pré-jogo ao vivo a partir de cada uma das partidas no horário nobre, ou de outros jogos importantes.

E a NFL continuará compartilhando a lista completa de melhores momentos, notícias e análises, como o “Throwback Thursday” (#TBT).

Curta nossa página no Facebook e siga-nos no Twitter

Cristina Padiglione

Cristina Padiglione