Por Cristina Padiglione | Saiba mais
Cristina Padiglione, ou Padi, é paga para ver TV desde 1990, da Folha da Tarde ao Estadão, passando por Jornal da Tarde e Folha de S.Paulo
O que tem de bom?

No GNT como portadora de Alzheimer, Esther Góes grava novela na Record

Uma atriz, três personagens.

Esther Góes foi vista até bem pouco tempo na reprise de “Amores e Intrigas”, dramalhão da Record, como a poderosa empresária Dorotéia Junqueira de Albuquerque, aquela mulher arrogante que “tenta manipular todos ao seu redor”, figura essencial a todo folhetim que se preze como tal.

Logo, logo ela volta à tela da emissora, para ser Leocádia, mãe do rei Valedo, papel de Floriano Peixoto, em “Belaventura”, próxima novela das sete da casa, com texto de Gustavo Reiz e direção de Ivan Zettel, já em avançado estágio de gravações.

Mas é no canal pago GNT que sua figura se faz presente de modo mais comovente no momento. Mãe do juiz Pedro Fernandes, o protagonista vivido por Du Moscovis na série “Questão de Família”, ela enfrenta o agravamento da doença de Alzheimer. O drama da personagem parece trafegar de modo periférico no enredo da série, e só parece. Os dias vividos por aquela senhora vão, aos poucos, afetando a vida de cada um de seus três filhos, envolvidos em seus próprios problemas, mas já certos de que as visitas periódicas à mãe não bastam para confortá-la do mal.

Dirigida pelo cineasta Sérgio Rezende, “Questão de Familia” vai ao ar toda quarta, às 23h.

Curta nossa página no Facebook e siga-nos no Twitter

Cristina Padiglione

Cristina Padiglione